"QUEREMOS IGUALDADE PARA A SAÚDE NO OESTE",

DECLARA DEPUTADA LUCIANE, AO SOLICITAR AUMENTO DE REPASSE DO GOVERNO AO HRO

“QUEREMOS IGUALDADE PARA A SAÚDE NO OESTE”, DECLARA DEPUTADA LUCIANE, AO SOLICITAR AUMENTO DE REPASSE DO GOVERNO AO HRO

A deputada estadual Luciane Carminatti esteve reunida com o secretário de Estado da Saúde, Vicente Caropreso, nesta terça-feira (02), para reivindicar investimentos na saúde para municípios do oeste catarinense. Entre as principais demandas está a ampliação dos recursos repassados ao Hospital Regional do Oeste (HRO).

 

 

De acordo com a parlamentar, o Hospital atende acima de um milhão de pessoas, dos mais de 25 municípios da grande região, mas recebe menos que outras unidades no estado. “A nossa atuação por mais investimentos começou ainda em 2011, pois sempre a maior fatia fica no litoral catarinense. É nosso papel pressionar para que o Governo do estado reveja os critérios de repasse dos recursos”, afirma.

 

 

Luciane relatou ao secretário as ações para transformar o HRO em Hospital Escola, pois atualmente Chapecó sedia inúmeras faculdades na área, entre elas, o curso de Medicina da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS). “O projeto de alteração está em andamento. Esta iniciativa é estratégica para fortalecer Chapecó como referência no atendimento à saúde nas diferentes especialidades e na alta complexidade”, destaca Luciane, que coordena o grupo de trabalho de infraestrutura do Hospital Escola. A deputada também é responsável pela conquista dos R$ 500 mil para a elaboração do projeto.

 

 

CONVITE AO GOVERNADOR E AO SECRETÁRIO

 

Luciane convidou oficialmente o secretário Caropreso para que, junto com o Governador do Estado, visite a UFFS e conheça a estrutura do curso de Medicina em Chapecó. “O projeto pedagógico foi elaborado com base na realidade regional, e os laboratórios são de altíssima qualidade. O curso precisa ser reconhecido pelo Estado como grande investimento na transformação do atendimento à saúde no oeste nos próximos anos”, afirma a parlamentar.

 

 

RECURSOS PARA MUNICÍPIOS DO OESTE

A parlamentar solicitou ainda ao chefe da pasta da Saúde investimentos e equipamentos para outras cidades do oeste catarinense. Caxambu do Sul também aguarda a ampliação do convênio do hospital municipal, pois hoje enfrenta dificuldades financeiras para atender os mais de 700 pacientes por mês. Galvão e Cordilheira Alta dependem de recursos para aquisição de nova ambulância. “São pedidos que recebemos durante nossos roteiros de visitas aos municípios. Estamos na expectativa que o Estado atenda essas demandas”, enfatiza Luciane.

 

Deixe uma resposta

LUCIANE CARMINATTI

Formada em Pedagogia e especialista em Orientação Educacional e na área de Educação Especial. Vereadora por dois mandatos e ex-secretária da Educação de Chapecó.

        

CONTEÚDOS

FACEBOOK

CONTATO